Número de incêndio por curtos cresce no país.

April 13, 2017

 

Levantamento divulgado pela Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel) mostrou que, em 2016, foram registrados 1315acidentesenvolvendoaeletricidade, sendo que 662resultaramem mortes causadas pela combinação choqueelétrico, seguido de incêndio e raio. Outros números superam os números de 2015. Naquele ano, foram registradas 590 mortes por choques elétricos (contra 599 em 2016, um aumento de 1,5%) e 441 incêndios causados por curtos circuitos, contra 448 em 2016.
 

O estudo revela, ainda, que é importante ter atenção redobrada, pois aponta uma tendência de alta nos últimos quatro anos em que a base de dados foi ampliada. A região Sudeste lidera o ranking de incêndios desta natureza com 136 ocorrências, seguido pelo Nordeste, com 102; Sul com 86; Norte, com 60; e Centro-Oeste, com 59 ocorrências. As residências continuam sendo o local de maior ocorrência deste tipo de acidente. Em 2015 foram 174 residências e, em 2016, 184 residências se incendiaram devido a um curto circuito e sobrecargas nas instalações elétricas.

Fonte: lux Industria e comercio de materiais Elétricos

Please reload

Posts Em Destaque

NOVA Plataforma de Migração DCS Migre e teste em horas, sem semanas .

August 4, 2017

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

ACESSOS

FALE CONOSCO

Rede Stori 2017 © Todos os direitos reservados
comercial@redestori.com.br